Processo Digital
Lista de Documentos

Lista de Documentos e Informações Necessários

Na relação abaixo estão todos os documentos e informações necessários para a elaboração dos processos, bem como a descrição dos padrões exigidos e modelos para download.

Orientações Gerais

Documentos: para quase todos os documentos, os arquivos devem ser no formato de imagem (jpg, gif ou png) com um tamanho máximo de 300Kb, e perfeitamente legíveis. Apenas em alguns casos específicos, como a Ficha 120 e relatórios, fogem desta regra. Para reduzir o tamanho de imagens, pode-se usar o site ReduzFoto. No site, selecione o documento, vá em "Novo tamanho > Avançado", selecione "Tamanho customizado", e por fim "Largura: 800 píxels", clicando em "Redimensionar" para gerar a imagem reduzida. Esta largura (800 píxels) deve ser suficiente para tornar a imagem com tamanho menor do que 300kb e não prejudicar a legibilidade do documento. Caso ainda não seja suficiente, teste outras combinações.

Certificados: orientações gerais para certificados encontram-se no seguinte guia elaborado pela Equipe Regional do Programa disponível para download. Atente principalmente para os padrões para certificados de especialidades.

Recomendações e Aprovações: as recomendações e aprovações (de Corte de Honra, equipe de escotistas, etc.) são apenas documentos que comprovem que os respectivos assuntos foram analisados, debatidos e aprovados pelo órgão competente. Portanto, estes podem ser tanto os documentos-modelo de recomendação quanto cópias digitalizadas das atas. Todos têm o mesmo valor no momento da análise, entretanto as equipes preferem que sejam enviadas as atas pois costumam ser mais ricas em informação.

Processos de Cruzeiro do Sul

Proposta de concessão: documento assinado pelo diretor presidente da UEL encaminhando o processo. Sem este documento o processo não tem validade. Download de modelo.

Ficha 120: ficha individual do jovem extraida do Sigue, no formato PDF. Deve estar completa e atualizada. Todas as demais informações deste processo devem estar de acordo com ela. Na vida escoteira deve conter todas as atividades desenvolvidas pelo jovem, principalmente as de caráter obrigatório.

Fotografia: solicita-se uma fotografia recente do jovem, uniformizado, sorrindo, em fundo nêutro, formato 3x4 e boa resolução. Ela será usada para exibição em Galeria de Honra.

Especialidades: para todas as especialidades conquistadas ao longo da vida escoteira do jovem. Pedem-se data, nível e certificado (frente e verso, se houver).

Início no ramo: data de ingresso no Movimento.

Promessa de Lobinho: data e certificado.

Experiência escoteira: informar número de noites acampadas pelo jovem enquanto estava no ramo (mínimo de 3 noites). Contabilizam-se noites acampadas e acantonadas. Todas devem estar explicitamente relacionados na Ficha 120 (discriminar atividades como "acampamento") e os certificados deverão ser disponibilizados.

Caminho das Estrelas: data e certificado da Etapa de Progressão de Lobinho Caçador. Pedem-se também as datas das demais etapas da Progressão Pessoal.

Insígnia de Interesse Especial: data, certificado da IIE conquistada pelo jovem, entre IMMA, Boa Ação, Lusofonia e Cone Sul. Pede-se também uma descrição, preferencialmente escrita pelo jovem, de como foi essa conquista.

Recomendações ao Cruzeiro do Sul: emitidas pela Roca de Conselho (modelo) e Equipe de Escotistas (modelo).

Perguntas: no formulário também constam algumas perguntas de interesse da Equipe de Programa. A resposta é opcional e não influenciará na análise do processo.

Processos de Lis de Ouro

Proposta de concessão: documento assinado pelo diretor presidente da UEL encaminhando o processo. Sem este documento o processo não tem validade. Download de modelo.

Ficha 120: ficha individual do jovem extraida do Sigue, no formato PDF. Deve estar completa e atualizada. Todas as demais informações deste processo devem estar de acordo com ela. Na vida escoteira deve conter todas as atividades desenvolvidas pelo jovem, principalmente as de caráter obrigatório (acampamentos, atividades distritais ou regionais, MutEcos, MutComs, Jota/Joti, Jornada de Travessia, etc.).

Fotografia: solicita-se uma fotografia recente do jovem, uniformizado, sorrindo, em fundo nêutro, formato 3x4 e boa resolução. Ela será usada para exibição em Galeria de Honra.

Especialidades: para todas as especialidades conquistadas ao longo da vida escoteira do jovem (inclusive em outros ramos), pedem-se data, nível e certificado (frente e verso, se houver).

Início no ramo: data de passagem ou de ingresso no Movimento.

Promessa Escoteira: data e certificado.

Experiência escoteira: informar número de noites acampadas pelo jovem enquanto estava no ramo (mínimo de 10 noites). Não se contabilizam noites acampadas no Ramo Lobinho ou noites acantonadas. Todos os acampamentos devem estar explicitamente relacionados na Ficha 120 (discriminar atividades como "acampamento").

Etapa de Travessia: data e certificado da Etapa de Travessia. Pedem-se também as datas das demais etapas da Progressão Pessoal.

Insígnia de Interesse Especial: data, certificado da IIE conquistada pelo jovem, entre IMMA, Ação Comunitária, Lusofonia e Cone Sul. Pede-se também uma descrição, preferencialmente escrita pelo jovem, de como foi essa conquista (ex.: um resumo do projeto, relato do intercâmbio cultural, etc.).

Insígnia da Modalidade: data e certificado da insígnia correspondente à modalidade adotada pelo grupo: Grumete (Mod. do Mar), Aviador (Mod. do Ar) e Explorador (Mod. Básica).

Cordões de eficiência: para âmbos os cordões, data, certificado e aprovações da Corte de Honra.

Recomendações à Lis de Ouro: emitidas pela Corte de Honra e Equipe de Escotistas.

Perguntas: no formulário também constam algumas perguntas de interesse da Equipe de Programa. A resposta é opcional e não influenciará na análise do processo.

Processos de Escoteiro da Pátria

Proposta de concessão: documento assinado pelo diretor presidente da UEL encaminhando o processo. Sem este documento o processo não tem validade. Download de modelo.

Ficha 120: ficha individual do jovem extraida do Sigue, no formato PDF. Deve estar completa e atualizada. Todas as demais informações deste processo devem estar de acordo com ela. Na vida escoteira deve conter todas as atividades desenvolvidas pelo jovem, principalmente as de caráter obrigatório (acampamentos, atividades distritais ou regionais, MutEcos, MutComs, Jota/Joti, Jornada de Travessia, etc.).

Fotografia: solicita-se uma fotografia recente do jovem, uniformizado, sorrindo, em fundo nêutro, formato 3x4 e boa resolução. Ela será usada para exibição em Galeria de Honra.

Especialidades: para todas as especialidades conquistadas ao longo da vida escoteira do jovem (inclusive em outros ramos), pedem-se data, nível e certificado (frente e verso, se houver).

Início no ramo: data de passagem ou de ingresso no Movimento.

Promessa Escoteira: data e certificado.

Experiência escoteira: informar número de noites acampadas pelo jovem enquanto estava no Ramo Sênior (mínimo de 10 noites). Não se contabilizam noites acampadas nos ramos Lobinho e Escoteiro ou noites acantonadas. Todos os acampamentos devem estar explicitamente relacionados na Ficha 120 (discriminar atividades como "acampamento").

Etapa de Azimute: data e certificado da Etapa de Azimute. Pedem-se também as datas das demais etapas da Progressão Pessoal (Escalada e Conquista).

Insígnia de Interesse Especial: data, certificado da IIE conquistada pelo jovem, entre IMMA, Desafio Comunitário, Lusofonia e Cone Sul. Pede-se também uma descrição, preferencialmente escrita pelo jovem, de como foi essa conquista (ex.: um resumo do projeto, relato do intercâmbio cultural, etc.).

Insígnia da Modalidade: data e certificado da insígnia correspondente à modalidade adotada pelo grupo: Naval (Mod. do Mar), Aeronauta (Mod. do Ar) e Mateiro (Mod. Básica).

Cordões de eficiência: para o Cordão do Desafio e o Cordão Dourado, data, certificado e aprovações da Corte de Honra.

Recomendações ao Escoteiro da Pátria: emitidas pela Corte de Honra e Equipe de Escotistas.

Perguntas: no formulário também constam algumas perguntas de interesse da Equipe de Programa. A resposta é opcional e não influenciará na análise do processo.

Clique aqui para retornar à página inicial.



Escoteiros do Brasil